segunda-feira, 29 de novembro de 2021

FUVEST leituras obrigatórias 2023 a 2026

 



  •   FUVEST  2023

  •   Poemas Escolhidos - Gregório de Matos
  • Quincas Borba - Machado de Assis
  • Alguma poesia - Carlos Drummond de Andrade
  • Angústia - Graciliano Ramos
  • Mensagem - Fernando Pessoa
  • Terra Sonâmbula - Mia Couto
  • Campo Geral - Guimarães Rosa
  • Romanceiro da Inconfidência- Cecília Meireles
  • Nove Noites - Bernardo Carvalho

   FUVEST  2024

  •   Marília de Dirceu- Tomás Antônio Gonzaga
  • Quincas Borba - Machado de Assis
  • Angústia - Graciliano Ramos
  • Alguma Poesia - Carlos Drummond de Andrade
  • Mensagem - Fernando Pessoa
  • Nós matamos o cão tinhoso! - Luís Bernardo Honwana
  • Campo Geral - Guimarães Rosa
  • Romanceiro da Inconfidência - Cecília Meireles
  • Dois irmãos - Milton Hatoum

  •   FUVEST  2025

    •   Marília de Dirceu - Tomás Antônio Gonzaga
    • Quincas Borba - Machado de Assis
    • Os ratos - Dyonélio Machado
    • Alguma Poesia - Carlos Drummond de Andrade
    • A Ilustre Casa de Ramires - Eça de Queirós
    • Nós matamos o cão tinhoso! - Luís Bernardo Honwana
    • Água Funda - Ruth Guimarães
    • Romanceiro da Inconfidência - Cecília Meireles
    • Dois irmãos - Milton Hatoum

    •  FUVEST 2026

      •   Marília de Dirceu- Tomás Antônio Gonzaga
      • Primeiros Cantos - Gonçalves Dias
      • Várias Histórias - Machado de Assis
      • Os ratos - Dyonélio Machado
      • A Ilustre Casa de Ramires - Eça de Queirós
      • Nós matamos o cão tinhoso! - Luís Bernardo Honwana
      • Água Funda - Ruth Guimarães
      • Amar, Verbo Intransitivo - Mário de Andrade
      • Dois irmãos - Milton Hatoum




sábado, 27 de novembro de 2021

jair faz seguidores de otários e eles bem merecem

 

presidente jair fez muitos seguidores pagarem de otários. gente que bajulou bolsonao acreditando que ele seria sucesso.
foi assim com mandetta, com o humorista marcelo madureira (
casseta & planeta), o alexandre frota, kim kataguri, a joice, dentre outros emblemáticos. o caso mais famoso é mesmo o ex-juiz moro.

contudo, o destaque, hoje, vai para o jogador felipe melo e muitos palmeirenses chegados num discurso ultra-direita.
por algumas vezes, jair posou com camisa do verdão -- quando lhe era conveniente --, incluindo carregar taça de campeão, em 2018, lá no allianz park. felipão, na época, adorou. diretoria idem. constrangidos ficaram os esmeraldinos democratas diante da cena terrívvel que é ver o antivacina se aproveitar da conquista do verdão para se promover. uma vergonha para a história do clube essa cena, diga-se. esse jair já deveria ter sido escorraçado do cargo que ainda ocupa. 
agora, acho pouco que aqueles palmeirenses sejam esnobados. por quê?
porque 
hoje, novembro de 2021, bolsonaro declara seu amor ao flamengo e aparece em rede social com a camisa do time carioca. felipe melo, aliás, foi questionado se dedicaria uma possível vitória hoje -- 27/11 --, na final da libertadores, ao presidente. no mesmíssimo estilo bolsominion, o jogador se acovardou e não respondeu. surpreende zero pessoas. ele apenas disse que iria falar de futebol (risos).
por que jair trocou de clube (risos)?
resposta: porque há ligação estreita entre a diretoria do fla e ele, incluindo o renato gremista que dirige o time rubronegro, pró-bolsonaro.
 [em tempo: pra azar dos cariocas, mengão perdeu a decisão dia 27]

terça-feira, 23 de novembro de 2021

novo livro de carlos h carneiro, abolição via vargas, sai em dezembro 2021

 

                                       [ visconde de mauá, 2010, foto do autor ]

comecei a escrever "abolição via vargas" em fins de março, 2021.
é um romance. 

a história nasceu por conta de exercícios terapêuticos, durante sessões de análise.
empolgado com os resultados, juntei pedaços desses textos e desenvolvi uma trama. 
mais ou menos assim: narrador personagem sai do local de trabalho apenas uma vez por semana, passeia pela cidade.
o cenário é campinas.
um certo domingo, passando pela rua barão de jaguara, e leitor fica sabendo fatos sobre o maestro carlos gomes, cuja estátua ali se encontra.

figuras como bierrenbach e santos dumont (que morou na cidade) tornam-se destaques, assim como o francês hercules florence.
não vou estragar a leitura dando corda e clarear o conflito.

você precisa ler.
mas adianto: além dos gajos citados acima, a deusa iara,
 machado de assis, luisa xavier de andrade, miguel do carmo, índia moema e washington luiz são figuras igualmente essenciais para a trama toda.

quando sai o romance? 
dezembro 2021, via amazon e clube de autores.
revisão da amiga professora ana dias vitale

aguarde!

siga-nos : @carneiro_liter

sexta-feira, 19 de novembro de 2021

grande mídia se omite quanto às ações de lula na europa, em novembro

 

           [ ex-presidente lula é aplaudido de pé, no parlamento europeu - nov.2021 ]

         texto - portal UOL    [ Cesar Calejon ]  - trecho -

"Ao longo dos últimos dias, Lula reuniu-se com lideranças políticas de toda a Europa. Nesta terça (17/11), foi recebido no Palácio do Eliseu, pelo presidente Macron. Já em Bruxelas, em encontro anterior, debateu a superação do neoliberalismo com Joseph Stiglitz, vencedor do Nobel de Economia, e a atual emergência climática com Josep Borrell, alto representante da União Europeia para Relações Exteriores.
Por que a grande mídia praticamente nada falou sobre isso??
A pergunta é retórica, porque, de fato, é notório o motivo pelo qual a direita liberal, que controla essas mídias quase unissonamente, não destaca as ações de Lula nos principais palcos políticos do mundo (...)"

claro está que grupos empresariais, bancários, fundamentalistas religiosos ligados à imprensa eletrônica, jornalistas conservadores e sensacionalistas da tv aberta, essa gente toda repete o que se fez entre 2016 e 2018, procurando não dar luzes a movimentos de figuras públicas como lula ou wagner moura, por exemplo.
a questão nem é dar palanque a lula - para 2022 -, mas sim noticiar movimento de um ex-presidente na direção de debates sobre democracia, clima, fake news etc. humanidade, enfim.
e isso -- humanidade, democracia -- não é perfil de quem apoia esse atual presidente negacionista.
parabéns ao portal "uol" pela notícia.



segunda-feira, 15 de novembro de 2021

10 coisas para fazer antes de morrer

 

                                                [ rob gonsalvez ]

corria o ano de 2004 e maria rita kehl, convidada pelo jornal "folha de s paulo", listou dez coisas a fazer antes de morrer.

instigado por ela, também fiz uma lista.
logo depois, se tiver paciência, você pode ver a dela e comparar.

  10 COISAS PRA FAZER ANTES DE MORRER
   esta é a minha:

 1. filmar "abolição via vargas", romance histórico e surreal

 2. fazer um soneto só de consoantes

 3. ter algum controle sobre todas as partes do corpo

 4. criar um decreto acabando com sentimento de culpa

 5. ler os lusíadas de trás pra diante

 6. invadir lisboa, recuperar ouro todo, deixando espelhinhos no cais

 7. publicar "a moreninha de mary shelley", um arraso gótico pornô

 8. escrever palíndromos em tupi-guarani

 9. criar escola para terraplanistas sem mesa nem cadeiras, lousa no chão e nenhum teto

 10escrever um livro engraçadíssimo somente feito de listas com as dez coisas que pessoas fariam antes de morrer.

e tu? faça sua lista!
. . . . . . . .  .  .  .  .  .  .  .  .  .  .   .   .

confira os itens da psicanalista:

10 COISAS PARA FAZER ANTES DE MORRER --    Maria R Kehl 

1. Viver a vida de uma outra mulher, muito diferente de mim. Uma mulher da roça, como eu gostava de brincar na infância. Das que acordam antes do sol, trabalham na horta, dormem ao escurecer, sem luz e sem televisão.

2. Descobrir, em qualquer parte do Brasil, uma reserva de escuro e silêncio absolutos. Caminhar no escuro no meio das estrelas uma noite inteira. Com um pouquinho de medo: o medo é uma espécie de embriaguez.

3. Gravar um CD cantando, sozinha, as músicas que mais gosto de cantar. Ou, radicalizando, mudar de profissão. Virar cantora. De boate, se é que ainda existem.

4. Ficar amiga do Chico Buarque. Só amiga. Andar a pé pelo Rio conversando com ele, horas a fio. Recordar letras de música, sambas antigos. Contar e ouvir coisas da vida.

5. Conhecer um compositor  (não precisa ser o Chico Buarque) que me peça letras para as músicas dele. Virar parceira, ouvir nossos sambas no rádio.

6. Virar artista plástica. Trocar a noite pelo dia em um ateliê enorme, brincando com os materiais, com as tintas, com o peso e a densidade da matéria.

7. Virar escritora de ficção. Acordar todos os dias com saudades de meus personagens, ansiosa para entrar mais uma vez na vida deles.

8. Queimar -isso é urgente- todos os meus diários, dos 15 aos 45 anos. Uma fogueira e tanto.

9. Ir a um pai ou mãe-de-santo para me iniciar no candomblé; virar mãe-de-santo também, receber entidades, aprender a jogar búzios. Gostaria de ter acesso à experiência do inconsciente pré-freudiano - o inconsciente revelado a contrapelo da psicanálise.

10. Saber como é a morte. Ficar acordada até o fim. Despedir-me de tudo. Dizer a meus filhos, como o Coelho, de John Updike: "Não é tão mau assim".

...........................................................................................

siga-nos  @carneiro_liter 

terça-feira, 9 de novembro de 2021

viúva negra resgata o pior do maniqueísmo político

 


assisti "viúva negra" (johansson/disney). 
enredo bem ralo, interpretações na medida do artificial previsível, nem os efeitos especiais -- marca da produtora -- são capazes de chamar atenção. qualquer capítulo de "game of thrones" é bem melhor nesse quesito. 

o filme ainda retoma o maniqueísmo infantiloide dos capitalistas versus comunistas russos maus. desde rocky 4, quando o boxeador (stallone) enfrenta ivan drago (dolph), russo, no pós-guerra fria, esse assunto da ameaça comunista (risos) tinha sido enterrado. até peppa pig é mais coerente na ideologia. 
mas desde meados de 2010, há esse refluxo conservador, ascensão da ultra direita, aqui pelo ocidente, principalmente pós-barack obama. dá nisso: como o capitalismo vai de mau a pior com desgraças ambientais, climáticas e consumismos, então, melhor ressuscitar o fantasma do comunismo, quem sabe os mais tolos acreditem que ainda é melhor o desmatamento do que a sala vermelha russa.
olhem, "viúva negra" é tão ruim quanto seu parceio de estante "mulher maravilha 1984", preciso admitir.
entretenimento e ação? continuo gostando mais de "vida de inseto".

quarta-feira, 3 de novembro de 2021

transar é questão de prova por aqui

 

 

                                     [ dahmer ]

na condição em que se vê a cena, o modo como a mulher se refere ao marido faz dele  

a) uma figura grotesca e apressada, deixando-a sempre insatisfeita

b) pessoa sedenta de desejo que a deixa satisfeita

c) um tipo marginalizado e submisso o que a deixa satisfeita

d) uma pessoa que dita regras, lidera e comanda a relação

.

.

.

.

.

.

.

resposta possível


b